segunda-feira, 21 de novembro de 2011

E assim...

... o desespero toma conta de tudo.

Você lê na primeira vez... Não entendeu porque não tinha prestado atenção. 
Lê pela segunda vez, acho que havia várias palavras desconhecidas. 
Então, na terceira vez, tudo deveria ficar mais claro e compreensível. Deveria... 
Na quarta leitura seus neurônios já não estão mais aguentando, o esforço para compreender aquele maldito texto está te fazendo ficar com dor de cabeça. 
Na quinta, você não está enxergando mais nada. As palavras estão fugindo, estão se embaralhando, dançando, não estão nem aí, já não tem mais paciência de ficarem quietas, paradas, para que você possa identificá-las. Fecha os olhos esperando que elas se acalmem e tudo volte ao normal. 
A sexta é sua última chance e esperança para que possa tirar alguma conclusão daquilo tudo. Você percebe que não há mais tempo para tentativas, agora é definitivo! 

Bem, deve ser isso mesmo! Ninguém poderá dizer que está errado, cada um terá uma interpretação diferente, não há como negarem que aquilo não poderia ser isso!

Na sétima e última leitura, quando tudo já está acabado, você apenas espera. Todos lêem juntos, todos tem a mesma opinião daquele mesmo texto. A interpretação de todos é similar ao seu. Então, aquilo era isso? Aquilo era isso mesmo? Era isso o tempo todo?! Isso mesmo??? Não há nenhum engano?!?! Mas... não pode! Não pode ter sido isso!!! Você teve aquele trabalho todo para tentar interpretar aquilo para que no final fosse... isso? Aquilo não pode ter sido isso!!! Está errado! Todos estão errados!!! Deve ter alguma coisa a mais do que isso! Aquilo deve ter um significado muito mais amplo, muito mais complexo que isso! Você passa a ficar totalmente indignado com as respostas das outras pessoas. Está tudo muito parecido. Não pode estar certo. Aquilo virar somente isso não pode estar certo! Está tudo errado! Todos estão errados! O mundo está errado! Está tudo totalmente errado! Nada está certo! Nada!

E assim... você conclui.

8 comentários:

  1. Nossa!

    Isso parece quando eu tava estudando pro supletivo.

    Mas cê tá falando de algum texto que escreveu? Algo que você fez e no fim, ninguém compreendeu?

    Existe um limite pra o que queremos passar e o que será passado. Quase nunca dá no mesmo.

    A gente diz "azul" e as pessoas leem "vermelho".

    Só a (argh) matemática consegue ser exatamente o que se passa.

    Mas relaxa, cê vai conseguir.

    Isso é mais uma questão de afinação do espírito. Se você sente o que escreve, com certeza os leitores sentirão o que você escreveu, mas talvez não queiram sentir o que você sentiu.

    Bom, eu não sou mestre em nada, então pode desconsiderar esse texto.

    Mas tenho uma intuição de que, se quisermos de verdade, conseguiremos.


    No fim, deve ser isso. Apenas uma questão de força de vontade e fé.

    ResponderExcluir
  2. Já passei por isso u.u

    ResponderExcluir
  3. É bem por ai mesmo!

    ResponderExcluir
  4. Força, menina!

    Cê consegue!


    EU acredito em você! ;)

    ResponderExcluir
  5. Ué, era isso? Só isso mesmo? Tive que ler sua postagem 7 vezes e era isso o tempo todo?
    kkk XD
    Acho que já passei por isso mas desisto na terceira^^

    ResponderExcluir
  6. Ola!!!!!!!!!!!!!!!!
    Achei seu blog legal e acho q vc desenha muito bem!

    ResponderExcluir
  7. O.O Sou eu? kkkkkkk é que eu tbm tenho uma certa dificuldade de entender algumas coisas. Mas força menina, retroceder nunca e render-se jamais!!! Atê a prox. AHHH! E obrigado pela indicação ao Selo Sunshine, eu fiquei mto feliz ^^

    Abraço. ^^

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar. Críticas, dúvidas, ou sugestões são muito bem-vindos!

AVISOS:
Os comentários são moderados pela autora do blog. Se não houver nenhum problema, serão postados e respondidos na medida do possível.

NÃO ESTOU MAIS ACEITANDO COMENTÁRIOS EM ANÔNIMO!
POR FAVOR, DEIXE PELO MENOS UM NOME NO FINAL DO COMENTÁRIO!

Caso tenha interesse em adquirir algum dos meus TRABALHOS EM BISCUIT e/ou DESENHOS mande email para marisolmaryline@gmail.com. Responderei na medida do possível.

Muitíssimo obrigada pela visita e volte quando quiser! =^.^=

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...