quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

O mais importante - 5

Um comentário:
Uma coisa que eu me preocupei foi o tamanho das letras, se dava pra ler em 100%... Se ficasse pequeno demais a letra poderia sair borrada, sei lá, não daria pros outros lerem. Mas acho que todo mundo conseguiu ler, só não sei se entenderam a história que eu queria passar. Afinal, como tenho uma mente confusa, minhas idéias são confusas, daí a história talvez tenha ficado um pouco confusa. Por exemplo tem coisas que escrevi e que não fazem muito sentido nessa história (que era pra ser fechada e ao mesmo tempo eu queria continuar). Essas coisas devem ter causado um pouco de confusão, e essas coisas que estou escrevendo agora podem estar criando mais confusão ainda... Porém, acho que não tem pessoas pra lerem isso... Então porque eu escrevo? Treinar datilografia é um bom exercício. Já estou ficando mais rápida do que antes. E ainda com uma mão só.
Nessa última semana de férias vou tentar terminar de ler uns livros. Vou criar uma lista de todos os livros que já li. Creio que a lista não ficará exatamente completa. Comecei a anotar os livros que li faz poucos anos. Acho que foi em 2005, por aí. Eu estava na 8º série. Nos anos seguintes as visitas à biblioteca da escola só foram diminuindo... Era porque a biblioteca tinha horários. Aquela época foi boa. Quantos livros legais eu encontrei. Tinha que fazer carteirinha, R$ 1... Ano passado ainda bem que não fiz a carteirinha. Raramente a biblioteca abria, e no meio do ano acabaram-se as tardes vagabundas: curso de web design... @.@ Da escola direto pro curso... Foi uma felicidade ter passado e entrado numa escola de curso técnico, gastando só a passagem de ônibus e o lanche que tinha dias que nem comia... Nesse período devo ter emagrecido. Tinha tantas preocupações. Quando entrei não sabia mexer no computador. Acho que eu era a que menos entendia o que os professores falavam. Daí ficava mais preocupada ainda. E foi lá que eu conheci as pessoas que gostam de anime&mangá e que também desenham, foi muito bom ter conhecido eles. A partir de então me interessei mais ainda em ser uma mangaká, em procurar mais pessoas pelo orkut, msn que gostam do mesmo, e mais informações sobre o assunto. Minha determinação deve ter aumentado e nem percebi...
Fui parar num outro assunto esquisito de novo...
Sobre a página 5, nada de especial a comentar, só que as hachuras saiam bem tortas... lamentável...

O mais importante - 4

Nenhum comentário:
Não sei desenhar mão... A cena em que focaliza a mão de Colene abrindo a porta eu não tive referência nenhuma. Não consegui achar e já estava começando a ficar com ansiedade de terminar de uma vez por todas esse mangá. E ainda pensei: "Isso é só pra eu treinar a pegar no bico-de-pena."
Pois é isso... Treinamento. Praticar sempre! Mas não acho que fiquei muito boa, as linhas ainda saem tortas. Minha mão treme, talvez eu esteja com alguma doença e estou ignorando esse fato.
Nesses tempos em que fiquei desenhando essas páginas também comecei a treinar minha mão esquerda. Eu sou destra. Acho os canhotos muito legais!!! Por isso estava treinando a esquerda, caso a direita cansasse eu poderia utilizar a esquerda pra desenhar. Estava treinando pra ser ambidestra. Sim, a mão esquerda é muito útil, não falarei mais mal dela. Teve até um dia que de tanto escrever com a esquerda, no dia seguinte ela ficou doendo e doendo... Tive que passar remédio no braço inteiro... E o resto daquele dia foi dolorosamente doloroso pro meu braço... Esforço demais dá nisso. Tenho que aprender a saber os meus limites. Assim como agora, a esquerda está com falta de circulação, é melhor eu parar de escrever por enquanto...
Ainda não tomei o café da manhã...

O mais importante - 3

Nenhum comentário:
Não vou conseguir postar as 25 páginas hoje... Já estou cansada. Talvez eu esteja com LER e nem saiba... Tomara que eu não perca as minhas mãos, elas são tão necessárias pra me tornar mangaká, a não ser que eu aprenda a desenhar com os pés. Isso seria legal: uma mangaká que desenha com o pé! É, mas minha força de vontade talvez me impeça de tal coisa.
Tomara que eu não esteja escrevendo muito errado, isso é algo ruim. Não terei chance de me tornar escritora...
Às vezes isso nada me importa e a vida não faz o menor sentido... Tenho o coração vazio... Ai, ai, ai...
Deixando as besteiras de lado ( e colocando outra no lugar )...
Sobre a pág. 3...
Acho que fiz no começo de janeiro... Minha memória não é muito boa, nem sei como consigo tirar nota nas provas...
Achei que o portão da casa de Colene ficou bom... Também me deu trabalho escrever os balões no photoshop. Quer dizer que sou uma preguiçosa...
O contorno da linha dos quadros eu fiz com caneta pra CD... Na falta de caneta nanquim ( eu vi o preço e... está além das minhas possibilidades financeiras, até a descartável... ).

quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

O mais importante - 2

Nenhum comentário:
Minha mão está até formigando de tanto que eu escrevi no PC hoje... Nunca tinha escrito tanta besteira pelo computador, ainda mais pra colocar num blog... Tudo que eu faço me parece idiotice. Eu realmente não tenho muito auto-estima. Sou uma pessoa tímida e retraída. Na maior parte do tempo eu me odeio. E nesses últimos 3 dias foram dias tristes para mim, e a chuva ajudou no clima de tristeza. Por um lado a tristeza não é tão ruim já que faz parte da vida e até que me ajuda a criar. Essa sensação de vazio me ajudou a criar ARU - A Cidade de Preto, o meu novo projeto que por enquanto só está na minha mente confusa. Se Deus me permitir viver até que eu termine todos os meus projetos que só ficam na minha cabeça, ficarei muitíssimo grata. São tantos... e eu consigo ligar cada história a uma outra que foi de uma certa forma o primeiro de todos e que mudou muito: "SONHOS" (antes se chamava Supermon, mas achei muito infantil, uma cópia de Pokémon).
Sobre a pág. 2... Arte-final com tinta nanquim, contornado com pincel bico-de-pena, e uns efeitos com pano molhado com nanquim na roupa de tia Cinda do funeral. E hachuras, claro! ( ainda não sei usar direito os materiais, então isso só foi um treinamento). A arte-final foi feito em dezembro do ano passado... Eu já tinha desenhado a lápis em 2006.
Tinha pensado que a arte-final era mais fácil, me enganei. Dá trabalho do mesmo jeito...

O mais importante - 1

Nenhum comentário:
Uma coisa meio "estranha" que aconteceu quando eu estava desenhando esse mangá foi a "coincidência" de receber a notícia do falecimento do pai do meu cunhado. Minha mãe que falou quando viu a primeira página do funeral do pai de Colene... Será que eu estava prevendo isso? Mas aprendi que não se pode contar que alguém morreu de repentemente sem preparação alguma. Fui eu que atendi o telefonema do aviso da morte e tive que passar o recado pra minha mãe, ela ficou muito nervosa mesmo que não tenha sido um parente próximo, é que ela tinha que contar isso pro meu cunhado que foi o nervosismo... Minha mãe ficou tão nervosa que esqueceu que tinha comprado peixe e ele ficou fedendo por uns dias na sala...
Aqui nesta primeira página eu fiz com nanquim aguado, uma técnica que aprendi no curso de mangá de um mês que fiz em julho de 2005. Essa página eu fiz em 2006. As letras foram no photoshop, as palavras ficaram sem acento. Mas acho que não foi minha culpa, é por causa da série do photoshop ser meio antiga, sei lá, não entendo muito disso...

terça-feira, 29 de janeiro de 2008

O mais importante - Capa e contracapa

3 comentários:
O desenho ( Kemuri & Colene ) foi feito por mim em 2006. A história também comecei a fazer em 2006, e parei, sem animo pra continuar. Daí do nada ( quer dizer conheci algumas pessoas que desenham e querem se tornar mangakás e isso me deixou com um novo ânimo ) decidi, então terminar alguns projetos inacabados. Bem... foi uma satisfação ter terminado "O mais importante" mesmo que eu tenha achado meio idiota, bem amador, mal-feito e etc. Eu sou muito pessimista... Mas depois olhando tudo feito eu pensei: "Até que ficou legal..." Aprendi a mexer um pouco no photoshop e então dei um acabamento pra capa ficar assim.
Realmente achei que ficou melhor, é claro... Também dei uma ajeitada no desenho. A folha tinha ficado ondulada, eu tinha feito a pintura com guache e aquarela, daí quando eu passei pro computador as ondas apareceram, e ainda tinha o olho do Kemuri que eu tinha furado na folha e ficou horrível...

O mais importante - o gato e a lebre

Nenhum comentário:
Esse desenho eu tinha feito em 2006 a lápis. Depois eu contornei mais forte e fiz o acabamento no photoshop.
São bichinhos de pelúcia, um gato para representar o Kemuri e uma lebre pra representar a Colene.
Ficaram muito vivos pra serem bichos de pelúcia...
Em um ano e meio, acho que não melhorei muito, talvez eu tenha ficado mais rápida pra desenhar, mas o traço não mudou grande coisa, ainda está muito amador na minha opinião... Talvez porque eu não uso retículas nos meus desenhos... Também preciso treinar proporção, cenas de ação... Aliás queria fazer um shonen, mas na minha cabeça só aparecem histórias tipo shoujo, ando lendo muito mangá do CLAMP...
Em se tratando de copiar desenhos, até que eu sou boa, mas quando o assunto é fazer de cabeça... É, só sai a cabeça pra desenhar, o corpo fica esquisito. A dificuldade são as mãos, os pés, depois as pernas, os braços, o busto... Pra fazer poses que é complicado pra mim... Mas um dia hei de conseguir alcançar a perfeição ou pelo menos quase...
Desculpe... Acabei saindo do assunto, se é que tinha um... Escrevo muito confuso assim como minha mente perturbada...
Acho que tenho grandes indícios de depressão...
Um dia eu vou morrer...

O mais importante - contracapa

Nenhum comentário:
O desenho eu fiz em 2006, o acabamento no photoshop em dezembro de 2007.
Outra vez Kemuri & Colene, só que esse Kemuri está com dois olhos... Era pra ele ser caolho, mas fiquei meio indecisa porque se eu fizesse ele caolho teria que contar sobre o misterioso passado que o atormenta e não o deixa viver... Mas no mangá acabei deixando ele mostrar seu tapa-olho...
Aqui temos a técnica do nanquim aguado, fiz mesmo pra ser preto e branco. Nos mangás que eu lia tinha um colorido e outro igualzinho só que em preto e branco. Mas esse não está igualzinho ao outro... O cabelo da Colene ficou estranho porque eu usei nanquim branco e misturei o nanquim preto... ficou muito estranho... não gostei, mas fazer o quê? O mal já está feito...Tentei consertar e piorou. Deu no que deu... Não consertei isso no photoshop, mas retirei as ondulações do papel, como fiz no anterior.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2008

O mais importante - Personagens

3 comentários:
Fiz um "mangá" ( é claro que não ficou muito bom, porque além da preguiça, tenho muito o que aprender na arte de fazer uma história em estilo mangá ), uma história fechada, mas que pensei numa possível continuação ( talvez quando eu me tornar uma profissional ). Primeiro vou colocar a descrição dos personagens e depois eu vou postar página por página... Ao todo são 25.
A história "O mais importante" (um título improvisado) conta sobre Colene, que no mesmo dia em que recebe a notícia de que passou na faculdade, também recebe a triste notícia do falecimento de seu pai. Para ajudar nesse momento tão difícil, tia Cinda aparece e convida Colene a morar com Sori e Kemuri.

Colene

Protagonista da história, garota que acaba de passar para faculdade. 
Tem 18 anos. É alegre, aparenta ser muito ingênua, mas se esforça muito para conseguir as coisas que quer. Gosta de vestir roupas coloridas e prender o cabelo com duas pequenas mechas, uma de cada lado.
Perdeu a mãe quando tinha 8 anos e recentemente perde o pai e, por intermédio da tia Cinda, vai morar com dois primos: Sori e Kemuri.


Alcinda 
(apelido: Cinda)

É uma pessoa muito otimista, está sempre de bom humor. Gosta de ajudar e animar os outros. Tem um invencível sorriso persuasivo.
Irmã do pai de Colene, portanto tia. Tenta ajudar a garota nesse momento difícil. Mãe de Sori e madrasta de Kemuri. Toda vez que o enteado faz algo errado, nada de ficar triste : da-lhe cadeirada!



Sori 
(significa trenó em japonês)

Tranqüilo, usa óculos. Primo de Colene. 
Gosta muito de ler. Faz estágio na biblioteca onde faz faculdade de biblioteconomia (?).
Seu cabelo é meio laranja-azulado (?!).
Também tem um invencível sorriso persuasivo (Colene: "Só podia ser filho de Tia Cinda...").


Kemuri 
(significa fumaça em japonês)

Esquentado, perdeu a visão do olho esquerdo.
Primo de colene, mas que na verdade não tem o sangue da família dela. Sua mãe biológica morreu ao dar a luz.
Trabalha numa loja de armarinho. Faz faculdade de educação física, mas se tivesse escolha teria cursado educação artística (?). Viciado em jogos de puzzle/bloquinho (?) e parece ter um rival (?)

domingo, 27 de janeiro de 2008

Sobre o blog Marisol Maryline

Nenhum comentário:
Fiz, no começo, com o intuito de divulgar o meu fanzine "O mais importante", para que outras pessoas pudessem ler que não fosse pelo Orkut, e também para treinar a parte de web design, tinham me dito que fazer um blog seria um bom treinamento. Acabei gostando do código html, decorei algumas coisas. E aos poucos estou aprendendo a mexer no Blogger.

Eu tinha feito e depois deletei o blog, mas graças (ou desgraças?) a algumas pessoas refiz ele.

Então este será oficialmente o aniversário do blog Marisol Maryline: 27 de janeiro!
Vamos ver até quando vai durar!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...